CEO da TAP é afastada do cargo pelo governo português

CEO da TAP é afastada do cargo pelo governo português
Foto: Fábio Passalacqua

Ontem (6), o governo português anunciou a demissão de Christine Ourmière-Widener, CEO da TAP Air Portugal, e de Manuel Beja, presidente do conselho de administração da empresa. A decisão foi comunicada durante uma coletiva de imprensa dos ministros João Galamba e Fernando Medina.

O desligamento de ambos aconteceu por ‘justa causa’ após a descoberta de um escândalo envolvendo uma indenização de 500 mil euros destinada a Alexandra Reis. Alexandra é ex-membro do conselho de administração da TAP. O relatório da Inspeção Geral de Finanças determina agora que Alexandra devolva à TAP cerca de 450 mil euros.

Ourmières-Widener e Beja estavam na aérea estatal portuguesa desde 2021 e não receberão indenização do Estado.

Luís Silva Rodrigues, então CEO da SATA, passa a ocupar o cargo de CEO da TAP em um momento em que o governo pretende privatizar a empresa.

-> ASSINE AQUI A FLAP INTERNATIONAL

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Últimas