Aena conclui reformas no Aeroporto de Aracaju

Aena conclui reformas no Aeroporto de Aracaju

A Aena concluiu nesta sexta-feira (7) as obras de melhorias feitas no Aeroporto de Aracaju. Participam da solenidade de inauguração, a diretoria da Aena, o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, representantes da Anac, da Secretaria de Aviação Civil, do governo do estado de Sergipe, da prefeitura de Aracaju, entre outras autoridades, além do trade turístico local.

O aeródromo de Aracaju ganhou um novo projeto arquitetônico, com uma decoração que inclui três painéis com pinturas que retratam paisagens e o folclore de Sergipe. Transferida para o primeiro andar, a área de embarque foi mais que duplicada, passando de 735 m² para 2,2 mil m². Já o desembarque aumentou de 785 m² para 1,15 mil m². O terminal passou a contar com duas pontes de embarque (fingers).

Foram instalados leitores eletrônicos de cartões de embarque, sistemas automatizados de bagagem, monitores do sistema informativo de voos e preparação para inspeção de volumes por raios-X. Além disso, toda a infraestrutura ganhou novas câmeras de segurança. Uma sinalização mais intuitiva em todo o terminal melhora o fluxo de passageiros, reforçados por nova pintura, iluminação e adaptações de acessibilidade. Também foi realizada a renovação completa dos banheiros.

Outro destaque da renovação do Aeroporto de Aracaju é o investimento nas melhorias com foco na sustentabilidade, com uso de energia 100% renovável, otimização da coleta e reaproveitamento de água, dentro dos padrões internacionais de respeito ao meio ambiente, que são uma das assinaturas da Aena.

Um novo conceito comercial foi implementado no terminal de passageiros, que agora possui um mix de lojas qualificado e diversificado, preparado para oferecer serviços e produtos diferenciados aos clientes, com mais opções de compras, serviços, cafés e restaurantes. Também está prevista a construção de uma sala VIP dispondo de mais comodidade aos usuários do equipamento e atendendo a demanda de diferentes perfis de consumo.

O chamado “lado ar”, que engloba pistas de taxiamento, de pouso e decolagem, e pátios de estacionamento de aeronaves, também recebeu importantes investimentos, ganhando aumento significativo na segurança operacional. O pátio teve o pavimento recuperado, recebeu torres de LED para iluminação e uma posição adicional, ficando com sete.

A pista tem nova sinalização, iluminação de balizamento em LED e áreas de escape protegidas nas duas cabeceiras (RESAs, sigla para áreas de segurança de fim de pista, do inglês runway end safety areas) e equipamento de auxílio na navegação PAPI (precision approach path indicator). Para reforço na segurança, foi implementada uma via de emergência ligando a seção de combate a incêndio à pista de pouso e decolagem e a área para equipamentos de apoio aos voos (chamada área de rampa) foi ampliada.

-> CLIQUE AQUI E ASSINE A FLAP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Últimas