Relembre: o Boeing 747 na frota da Iberia

Relembre: o Boeing 747 na frota da Iberia
Foto: Wikimedia

Hoje com uma frota para voos de longa distância padronizada em aeronaves da Airbus, a Iberia já foi uma importante cliente da Boeing no passado. Além do Boeing 737, 757 e 767, a companhia também operou quatro versões do 747.

Abaixo, conheceremos mais detalhes das operações do Boeing 747 na Iberia:

Antecedentes

Na década de 60, o Douglas DC-8 era a espinha dorsal nos voos intercontinentais da aérea espanhola, que buscava ampliar sua presença e capacidade nas Américas.

O escolhido para cumprir o papel foi o Boeing 747.

Incorporação

Os dois primeiros exemplares chegaram no final de 1970. De matrícula EC-BRO e nome “Cervantes”, o primeiro 747 chegou para a Iberia em 2 de outubro de 1970, seguido do EC-BRP em 10 de novembro do mesmo ano. Ambos da versão -100.

iberia005
Foto: Arquivo Flap

Durante dez anos, a empresa operou somente com os dois, até a chegada de mais dois, agora da variante -200, em 1980: EC-DIA e EC-DIB. No mesmo ano, o EC-BRO deixou a frota e foi incorporado pela TWA como N133TW. Em 1981, a companhia se despediu do EC-BRP.

A Iberia fechou a década de 80 com quatro 747s em sua frota, sendo três de passageiro e um cargueiro (EC-EEK).

Ao longo dos anos 90, a companhia recebeu mais sete unidades, sendo cinco do -200 e dois do -100. A maioria deles operava com a matrícula “TF” arrendados da islandesa Air Atlanta Icelandic.

iberia002
EC-DIB no Rio de Janeiro. Foto: Arquivo Flap

Em 1994, a companhia passou a voar para o Brasil com o 747-200 substituindo o DC-10 no trecho Madri-Rio-São Paulo.  Em 1995, o voo para São Paulo passou a ser sem escalas e em 1996 o Airbus A340-300 entrou no lugar do 747 nos voos para o Brasil. Nova York, Tenerife, Miami, Chicago e Buenos Aires também foram destinos frequentes dos 747s da Iberia.

O primeiro -300

Iberia Boeing 747 300 Jurado
Foto: Francisco José Jurado Ariza

Em dezembro de 2000, chegou o primeiro Boeing 747-300. Matriculado como TF-ATH e com nome de batismo Luis de Gongora, o quadrimotor contava com a configuração para acomodar 416 passageiros, sendo 8 na Primeira Classe, 46 na Executiva e 362 na Econômica.

A Iberia chegou a operar somente quatro exemplares da versão -300.

A dupla de -400

Boeing 747 412 Iberia Air Atlanta Icelandic AN0732518 2
Foto: Pedro Aragão

Após já ter voado com três variantes do 747, em 2004, a espanhola recebeu a geração -400. De matrículas TF-AMA e TF-AMB, ambos eram arrendados da Air Atlanta Icelandic, foram recebidos em julho de 2004 e eram configurados para 430 passageiros, sendo 30 na Executiva e 400 na Econômica.

Durante um curto período, a Iberia chegou a contar com as variantes -200, -300 e -400 simultaneamente em operação na sua frota.

Aposentadoria

O fim da trajetória do 747 na Iberia chegou em 2006, com a aposentadoria dos dois Boeing 747-400s, encerrando assim 36 anos de operação do quadrimotor na companhia.

Na época a empresa contava com uma grande frota de um outro quadrimotor: o Airbus A340.

Matrículas

Modelo

Matrícula

Incorporação

Aposentadoria (na Iberia)

Boeing 747-100

EC-BRO

Outubro 1970

Maio 1980

Boeing 747-100

EC-BRP

Novembro 1970

Fevereiro 1981

Boeing 747-200

EC-DIA

Maio 1980

Dezembro 2004

Boeing 747-200

EC-DIB

Maio 1980

Maio 2005

Boeing 747-200

EC-DNP

Fevereiro 1982

Março 2004

Boeing 747-200 (cargo)

EC-EEK

Abril 1988

Março 2001

Boeing 747-200

EC-GAG

Abril 1995

Março 2003

Boeing 747-200

TF-ABI

Julho 1997

Outubro 1997

Boeing 747-100

TF-ABR

Fevereiro 1998

Fevereiro 1999

Boeing 747-200

TF-ABY

Março 1998

Dezembro 1998

Boeing 747-100

TF-ABW

Maio 1998

Boeing 747-200

TF-ABA

Novembro 1998

Novembro 2000

Boeing 747-200

TF-ABP

Janeiro 1999

Janeiro 2001

Boeing 747-300

TF-ATH

Dezembro 2000

Maio 2003

Boeing 747-300

TF-ATJ

Dezembro 2000

Novembro 2005

Boeing 747-300

TF-ATI

Janeiro 2001

Novembro 2005

Boeing 747-200

TF-ATC

Maio 2001

Maio 2002

Boeing 747-200

EC-HVD

Maio 2001

Janeiro 2005

Boeing 747-200

EC-IAF

Outubro 2001

Outubro 2003

Boeing 747-300

TF-ARS

Junho 2004

Agosto 2004

Boeing 747-400

TF-AMA

Julho 2004

Julho 2006

Boeing 747-400

TF-AMB

Julho 2004

Julho 2006

Dos 22 Boeing 747s operados pela Iberia, quatro foram da versão -100, doze da -200, quatro da -300 e dois da -400.

Você se lembra do 747 na Iberia? Conte para nós nos comentários:

-> ASSINE AQUI A FLAP INTERNATIONAL

2 respostas

  1. Lembro. Sou apaixonada por essa aeronave. E fui para a Espanha 2002 voltei 2003. Como não tenho mais as datas nem os bilhetes, busquei na pesquisa pra confirmar e as evidências me deixou muito feliz?✈️??

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Últimas