Homem sentado no jumpseat tenta desligar motores de E175 durante o voo

Um homem, que estava autorizado a voar dentro da cabine no jumpseat, tentou desligar os motores de um E175 da Horizon Airlines, subsidiária do grupo Alaska Airlines, durante o voo AS2059 entre Everett e São Francisco.

A ocorrência aconteceu ontem (22) de noite alguns minutos após a decolagem do bimotor, quando o jato já estava em altitude de cruzeiro. O homem foi retirado da cabine e os pilotos informaram a situação ao controle de tráfego, solicitando alternar o voo para Portland, onde os oficiais da polícia aguardaram a chegada da aeronave.

A Alaska Airlines informou em uma nota que “os pilotos pousaram sem maiores problemas”. A companhia não comentou se o suspeito de ter realizado o ato é funcionário da Alaska, empresas parceiras ou como ele obteve autorização para voar na cabine.

-> ASSINE AQUI A FLAP INTERNATIONAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Últimas